Presidente do Peru estuda denunciar Odebrecht por perdas e danos

O presidente peruano, Pedro Pablo Kuczynski, disse neste sábado que estuda a possibilidade de denunciar por perdas e danos a empreiteira Odebrecht, que admitiu ter pago propina a funcionários de vários países, entre eles o Peru, para vencer licitações de obras públicas.”Nós estamos analisando várias alternativas, sem dúvida uma delas é esta (denúncia), mas devemos ver caso a caso porque senão vamos entrar em complicações terríveis de julgamentos intermináveis”, disse Kuczynski à emissora RPP ao ser questionado se o Peru apresentaria uma demanda contra a construtora brasileira.A Odebrecht admitiu – segundo informou a Justiça dos Estados Unidos – o pagamento de 29 milhões de dólares a funcionários do Estado peruano em troca de contratos para obras entre os anos de 2005 e 2014.Kuczynski explicou que para realizar qualquer denúncia deve-se estar bem preparado para não se lançar em algo que depois possa ser contraproducente para o país.

Powered by WPeMatico

Esta entrada foi publicada em Noticias nacionais. Adicione o link permanente aos seus favoritos.