Governo venezuelano liberta opositores na véspera do Ano Novo

O governo da Venezuela libertou, na véspera do Ano Novo, sete opositores presos, entre eles o ex-candidato à Presidência Manuel Rosales, o que pode reacender o congelado diálogo entre situação e oposição.p>”Fui libertado junto com outros presos políticos. Seguimos na luta pela libertação de todos”, escreveu no Twitter Rosales, que tinha sido detido em outubro de 2015, após voltar ao país depois de seis anos de exílio.p>Rosales, de 64 anos, que enfrentou o falecido líder socialista Hugo Chávez nas eleições de 2006, tinha sido acusado em 2008 de enriquecimento ilícito quando foi governador de Zulia (oeste) em dois mandatos (2000-2008).

Powered by WPeMatico

Esta entrada foi publicada em Noticias nacionais. Adicione o link permanente aos seus favoritos.