EUA: Roust entra com pedido de proteção judicial para reestruturar dívida

São Paulo, 31 – A Roust, uma das maiores fabricantes mundiais de vodca, entrou com um pedido de proteção judicial, previsto no capítulo 11 da lei de falências norte-americana, para executar um acordo de reestruturação de dívidas já negociado com os credores.A Roust relatou ativos de US$ 1 bilhão a US$ 10 bilhões e dívidas de US$ 500 milhões a US $ 1 bilhão em sua petição do capítulo 11, arquivada na sexta-feira no Tribunal de Falências dos EUA em White Plains, Nova York. O plano de falência pré-organizado da Roust, com o qual credores concordaram antes que o pedido fosse arquivado, prevê que a fabricante de vodca e importadora de bebidas alcoólicas corte cerca de US$ 462 milhões em dívidas.Segundo os documentos, o plano, que está sujeito à aprovação do tribunal de falências em uma audiência na próxima semana, deixaria a Roust sob propriedade majoritária das empresas por trás da marca de vodca Russian Standard, controlada pelo empresário russo Roustam Tariko.

Powered by WPeMatico

Esta entrada foi publicada em Noticias nacionais. Adicione o link permanente aos seus favoritos.