Aprovado em primeiro turno PL que prevê multa de R$ 1,5 mil para quem passar trote

Aprovado em primeiro turno pela Assembleia Legislativa de Minas o Projeto de Lei (PL) 838/15 que prevê multa de até 500 Unidades Fiscais do Estado de Minas Gerais (Ufemgs), ou seja, R$ 1.505, para quem passar trote por telefone para serviços de emergência envolvendo remoções ou resgates, combate a incêndios ou ocorrências policiais.Somente o Corpo de Bombeiros recebeu 5,7 mil trotes no ano passado, o que deu uma média de 15,6 ligações irregulares por dia. Em 2014, foram 4,3 mil trotes, ou seja, 11,7 acionamentos indevidos por dia.

Powered by WPeMatico

Esta entrada foi publicada em Noticias nacionais. Adicione o link permanente aos seus favoritos.